Pesquisa indica hábitos de consumo da mídia no país
Fale conosco (86) 99495-8096

Pesquisa indica hábitos de consumo da mídia no país


A internet é o segundo meio de comunicação usado com mais frequência pelos brasileiros, atrás da televisão e à frente do rádio, segundo a primeira edição da "Pesquisa Brasileira de Mídia 2014 – Hábitos de Consumo de Mídia pela População Brasileira", divulgada em julho deste ano pelo Ibope e encomendada pela Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República.

Apesar do indicativo favorável para o uso da internet, 53% dos entrevistados afirmaram nunca acessar esse meio de comunicação. No Piauí, o percentual chega a 70%. A pesquisa indicou ainda que o Facebook é o site mais acessado no país quando o internauta quer buscar informação.

Em média, os brasileiros que usam a internet gastam três horas e 39 minutos navegando pela rede em dias de semana. Nos finais de semana, a intensidade de uso aumenta um pouco – vai para três horas e 43 minutos, em média. Do total de entrevistados, 47% têm acesso à internet em casa.

Outros destaques da pesquisa

- A TV é mais popular entre os maiores de 65 anos (73% assistem todos os dias), entre as mulheres e entre as pessoas que realizam atividades domésticas.

- Mulheres costumam assistir mais televisão do que homens: nos dias de semana, elas passam, em média, três horas e 47 minutos ligadas na programação; eles, três horas e dez minutos. No fim de semana, a diferença diminui – as mulheres reduzem o tempo à frente da TV e os homens aumentam.

- Programas de notícias e jornalismo são citados por 80% das pessoas quando questionadas sobre o que assistem na TV; as novelas, por 48%. No fim de semana, porém, os programas de auditório assumem a liderança: são lembrados por 79%.

- Notícias de jornais impressos são consideradas as mais confiáveis (19% afirmam confiar sempre); notícias em blogs e redes sociais são as menos confiáveis (20% nunca confiam).

Fonte: G1

Dê sua opinião:


Veja também:

Projeto Mulheres de Visão participará do RECONECTA 2020

Projeto Mulheres de Visão participará do RECONECTA 2020

Fact checking é tendência profissional para 2021

Fact checking é tendência profissional para 2021

Mulheres são vítimas de deepfake pornográficas

Mulheres são vítimas de deepfake pornográficas