Confira como foi a aula inaugural do Curso Técnico de Rádio e TV
Fale conosco (86) 98825-6602

Confira como foi a aula inaugural do Curso Técnico de Rádio e TV

“A Comaradio sempre levantando debates importantes, interessantes e fundamentais para que tá entrando no mundo da comunicação", Jornalista Mayara Bastos



Diante de uma plateia de alunos ansiosos por conhecimento o debate da aula inaugural do Curso de Rádio e TV trouxe muitas respostas e entusiasmos. Os palestrantes além de muita experiência puderam apresentar a realidade do dia a dia diante do tema: O Valor da Verdade para a Mídia. A aula aconteceu no dia 18, com a participação dos Jornalistas Cesar Filho – TV e Rádio Cidade Verde, Marcos Monturil – TV Meio Norte e Rádio Jornal Meio Norte, Humberto Coelho, Jornalista e Diretor Presidente da TV e Rádio Antares. O debate foi mediado pela Jornalista Mayara Bastos da Agência ícone Comunicação.

Para o professor Iraildon Mota Diretor Presidente da Escola Comradio é necessário ter comunicadores que pensem para além da técnica. “Parece óbvio discutir a verdade. Afinal de contas todos nós acreditamos que a verdade é uma só. Mas diante do avanço tecnológico e das várias ferramentas de comunicação que tornam consumidores em produtores de conteúdo fica claro uma fragilidade e um risco social acreditar em tudo. No meio disso tudo o comunicador precisa está muito mais atento antes de publicar. Desta forma é um caminho para diminuir as “mentiras” e fortalecer o fazer comunicação.” Explica o professor Iraildon Mota sobre a importância do tema.   

Cesar Filho fala sobre a oportunidade do tema. “Olha a iniciativa é sensacional. Quem tá començando agora na comuninicação vem cheio de vontade entusiasmo. Mas o profissional que já está no mercado traz uma coisa aqui que é a experiência. E experiência precisa-se tempo. Então para quem está começando agora e tem a oportunidade de conversar com professionais de rádio, TV  e Agência de Comunicação que estão há muito tempo no mercado trabalhando já traz uma vantagem maior para ele já é um avanço, já é um passo a frente já no ínicio da carreira. Eu quero parabenizar a Comradio pelo trabalho que já vem fazendo de profissionalização do rádio e televisão aqui no Piauí” disse o Radialistas Cesar Filho.


Para o Jornalista Marcos Monturil o intercâmbio entre quem está começando e profissionais do mercado de áreas de diferentes da comunicação faz toda a diferença. “Acho muito bacana esta iniciativa da Comradio trazer profissionais de perfis diferentes, de empresas de comunicação diferentes para tá discutindo e trocando ideias, não só ensinando, até porque agente aprende também, trazendo inclusive temas pertinentes, temas atuais para as pessoas irem para além da informação a ter interpretação e a formar opinião que o que se espera do profissional da comunicação hoje em dia”, detalha Marcos Monturil.


O presidente da Fundação Antares Humberto Coelho destaca a forma com a comradio propõe esta experiência. “Eu acho muito importante esta experiência por que você desperta esta turma que está se aproximando da escola, e ai isso é um aperitivo maravilho para sentir o que eles vão encontrar no mercado. Este contato com os profissionais dá um animo para que eles sigam adiante não desistam do curso que estão começando. “Destaca Humberto Coelho.


Segundo a Jornalista Mayra Bastos a Comradio Inova mais uma vez ao trazer um tema importante para atualidade. “A Comaradio sempre levantando debates importantes, interessantes e fundamentais para que tá entrando no mundo da comunicação. Discutir este fakenews, discutir este momento pós-verdade colocar juntos quem está no mercado enfrentando este desafio no dia a dia é sem dúvida uma contribuição fundamental para os novos comunicadores que vão ingressar no mercado. E sentir mesmo o que eles vão enfrentar, conhecer e ter que trabalhar. Então o tema era desafio e oportunidade e este encontro foi uma grande oportunidade de estamos juntos discutindo este assunto que é tão atual, necessário e urgente na nossa sociedade”, falou Mayra Bastos da Icone Comunicação. 


O profissional formado pela escola além de poder atuar como repórter de TV, pode ainda trabalhar como locutor, repórter de rádio, Assessor de Comunicação, fotógrafo, organizador de eventos, piloto de drone e mais 54 funções asseguradas pela Lei nº 6615/78, de 16 de dezembro 1978. A Escola Comradio é reconhecida pelo Conselho Estadual de Educação – CEE-PI, e seus cursos são cadastrada no Sistema Nacional de Informação da Educação Profissional e Tecnológica – SITEC, o que assegura uma formação legal e válida mundialmente.

Assuntos relacionados:




Dê sua opinião:


Veja também:

Prepare-se para não dormir está noite!

Prepare-se para não dormir está noite!

"A gente vem querendo ensinar e fica querendo ficar mais para aprender"

Técnicas de Voz

Técnicas de Voz